Viralataz – Skate Rap Rua (música)

Aproveitando o feriado para dar aquela descansada ou esperando a hora do rolê, dá o confere nesse grupo de rap de Porto Alegre, Viralataz, que tão fazendo um som bem da hora representando o skateboard, weed e amizade.
   

O estilo é de rua, por isso VIRALATA.

Simples-Mente Felipe ARCO – Rua e Poesia

Gostaríamos de compartilhar com vocês o projeto Simples-Mente Felipe Arco.

Felipe Arco, 25 anos, formado em marketing, abriu mão de atuar em sua área para correr atrás de um sonho, ser escritor. Começou pelo metrô de BH, vendendo suas poesias de vagão em vagão. Até decidir começar um projeto novo, virar camelô para poder custear seu primeiro livro. Foi assim que veio a ideia de vender paçocas. Viu que seria necessário vender 200 mil até chegar a seu objetivo. Foram quase 2 anos de luta nas ruas, até que conseguiu sua meta. Felipe Arco lançou seu primeiro trabalho em 2015, com 80 poemas e foi intitulado “200 mil paçocas e infinitas poesias”. Após o lançar seu livro, Felipe fez um mochilão pelo Brasil, onde rodou 15 estados em 90 dias, sobrevivendo apenas da venda do seu livro na estrada. Dessa aventura nasceu seu novo trabalho, intitulado “12 mil km e infinitas poesias”. O trabalho foi lançado recentemente e já vendeu mais de mil cópias.

Tivemos o prazer de trocar algumas idéias com ele durante o Festival Dilúvio Na Rua e ainda acabou nos presenteando com um livro do seu último trabalho.

Foto 22-08-16 11 16 37 Foto 22-08-16 11 14 26

Violentamente doce… A melhor definição para a obra e também para o autor da mesma: arte que traz a poesia marginal sob os olhos de um vagabundo trabalhador, decidido, cheio de imaginações e manifestações pela arte.

Satisfação total ler seu livro, mano ARCO…….siga firme na direção dos seus sonhos e MUITO OBRIGADO!